20 anos a vender casas com amor

      Sem comentários em 20 anos a vender casas com amor

Meia-noite ou uma da manhã de um qualquer dia da semana. José Carlos Gonçalves, de 49 anos, ainda se encontra a trabalhar. Acaba de colocar mais um imóvel em promoção. Não pode ficar para o dia seguinte. Faz tudo o que pode para superar as expetativas dos clientes que o honraram com a sua confiança. De seguida, envia um mail e um SMS à proprietária com o “link” do imóvel. De repente, no telemóvel, que nunca desliga, recebe um SMS com uma das várias respostas de que está à espera. Do outro lado, o cliente confirma a assinatura do contrato da casa que vai comprar para esse mesmo dia às 15h00. De imediato, segue mais uma mensagem de confirmação para os proprietários.

É assim o dia-a-dia de José Carlos e do seu sócio Paulo Nascimento, de 51 anos, que há já 20 anos criaram a imobiliária ESPAÇO A DOIS, naquilo a que chamam de Loja Gourmet localizada na Av. Dr. Fernando Ricardo Ribeiro Leitão, junto à estação dos CTT na Rotunda Drª Laura D’Aires, em Massamá, concelho de Sintra. 

“Estamos sempre disponíveis para os nossos clientes. Sabemos que vender ou comprar uma casa é uma decisão para o resto da vida. Quando alguém nos procura para lhe vendermos um imóvel, fazemos o negócio como se estivéssemos a vender a nossa própria casa. E a atitude é exatamente a mesma em relação a quem nos procura para lhe arranjarmos uma casa”, garante Paulo Nascimento.

O empresário explica como nasceu a ideia de criar uma das imobiliárias mais antigas de Massamá: “Eu e o José Carlos somos amigos de infância. Uma amizade verdadeira e que dura há 41 anos. Estávamos ambos insatisfeitos com as opções de vida que tínhamos e ambos gostávamos do ramo da imobiliária. Dessa relação de amizade, confiança e ambição nasceu a ideia de criar a ESPAÇO A DOIS. O facto de podermos proporcionar alegrias às pessoas que queriam vender as suas casas e de satisfazer aquelas que as procuravam sempre nos atraiu. Há quem goste de vender roupa, outros de carros, mas nós sempre gostámos de casas. O próprio nome surgiu porque é o nosso espaço mas acima de tudo é o espaço dos nossos dois clientes: o que vende e aquele que compra.”

Mais procura do que oferta
Mas não se pense que tudo têm sido rosas ao longo da existência desta imobiliária, conforme explicou José Carlos Gonçalves ao Comércio de Massamá e Monte Abraão: “A crise também nos afetou, sobretudo porque deixou de haver confiança em investir. É esse o dínamo do mercado e da vida em sociedade: Confiança. Posso dizer que entre 2011/13 a situação foi brutal. Mas sobrevivemos. Neste momento, as coisas estão a melhorar, mas a verdade é que a balança ainda está desequilibrada, porque existe mais procura do que oferta. Temos imensos clientes à procura de casa e poucos a quererem vender. Mas com o nosso trabalho vamos conseguindo dar resposta a todos e a verdade é que o grau de satisfação de quem nos procura é bastante elevado. Temos uma relação muito afetiva com as pessoas. Por norma, os nossos clientes rapidamente ficam amigos para sempre. O nosso ‘portfólio’ de imóveis advém muito do cliente que traz outro cliente.”

Mas a competência traz responsabilidades. E Paulo Nascimento sabe bem disso: “Claro que a forma fraterna com que lidamos com as pessoas que nos procuram e a reação delas quando se fecha o negócio é um grande motivo de orgulho, mas obriga-nos a uma dedicação total e sem reservas por forma a manter essa cadeia de confiança com os nossos clientes. Tudo o que nós sabemos o cliente também sabe. Não há segredos entre qualquer das partes. Vestimos literalmente a camisola pelo cliente, tratamos de tudo com imenso carinho e honramos sempre a confiança que depositam em nós. Sabemos que a transparência e a competência são a alma do nosso negócio.”

Marcado Internacional
José Carlos acrescenta que, apesar de a imobiliária ESPAÇO A DOIS ser mais procurada por cidadãos nacionais, começa também a aparecer um importante nicho de mercado a nível internacional. “Nós operamos sobretudo na área da Grande Lisboa, e a verdade é que temos tido clientes estrangeiros que investiram em Portugal e que agora querem vender ou arrendar esses os imóveis tal como também temos pessoas no estrangeiro que nos procuram para comprar casas cá. Acabamos por conseguir satisfazer todas as partes. Mas isto só tem sido possível graças à dedicação e empenho que colocamos em qualquer negócio. Nem sempre é fácil satisfazer os pedidos, mas quem quiser vender ou arrendar uma casa pode ter a certeza de que se recorrer aos nossos serviços não se irá arrepender.

O facto de a empresa ser gerida com grande rigor permite, segundo Paulo Nascimento, uma maior margem de manobra: “Nós não fazemos qualquer negócio a pensar especificamente na nossa comissão. E quem nos procura sente isso de imediato porque não tentamos impingir um imóvel a ninguém. Não pressionamos nenhuma decisão. Fazer em cada cliente um amigo implica que o mesmo fique real e efetivamente satisfeito. E isso dá-nos uma almofada para trabalhar da qual muitas grandes imobiliárias do país não se podem gabar. Talvez por isso a nossa empresa abranja todo o tipo de ‘target’ de cliente, desde quem queira vender ou comprar uma casa por 60, 70 ou 100 mil euros, até quem queira fazer negócios acima dum milhão de euros. E temos ofertas tão variadas, que vão da simples garagem, terrenos, armazéns, lojas, moradias, apartamentos ou até outros que envolvem a venda do próprio negócio em si mesmo como é o caso de clínicas, residenciais/hotéis ou prédios para rendimento.”

Os dois empresários são unânimes na ideia que esteve na origem da criação da Espaço a Dois: “Tratamos de todos os negócios com rigor e transparência mas, sobretudo, com amor.”

Contactos

Tel: 214302840
José Carlos Gonçalves – 962310774
e-mail: jose.carlos@espacoadois.pt
Paulo Nascimento – 968078269
e-mail: paulo.nascimento@espacoadois.pt
www.espacoadois.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *